domingo, 24 junho, 2018

Terceiro dia de greve na ERS-040 e postos já apresentam falta de combustíveis





Nesta quarta-feira (23), a Greve Nacional dos Caminhoneiros chega no seu o terceiro dia de paralisação e protestos contra os altos os preços dos combustíveis, principalmente do óleo diesel. Na ERS-040, dezenas de caminhões, tratores, ônibus, vans escolares, carros e demais forças sindicais estão reunidos em quatro pontos da estrada.

  • A maior concentração ocorre em no posto da Figueira, próximo ao Pedágio de Viamão. Veículos leves são liberados, mas os caminhões são orientados a aderir a paralisação. Não há registro de ocorrências durante o ato. Durante a manhã, pneus foram queimados em vários trechos da estrada. Os caminhoneiros ganharam a adesão de agricultores, motoristas de ônibus, vans escolares e motoristas.

  • O segundo ponto é na parada 110, onde há um ato em apoio aos caminhoneiros ganhou adesão de agricultores. Tratores foram colocadas às margens da via e caminhões, também, são impedidos de seguir viagem.

  • Em Capão da Porteira, em frente a Escola Estadual Francisco Canquerini está com uma mobilização, ganhando apoio da comunidade e produtores rurais locais.

  • Em Capivari do Sul, o local escolhido foi o Trevo do entroncamento com a RST-101. Além deste local, na entrada de Palmares do Sul, também, há mobilização e relatos indicam que carros estão sendo parados de 10 em 10 minutos.
 “Sem gasolina”

O Posto da Figueira em Morro Grande relatou nesta manhã que só está com etanol nas bombas. Já no Posto da Figueira, próximo ao Pedágio, não possui mais diesel. Em Águas Claras, o posto da parada 87 encontra-se fechado, segundo informação do leitor Gilnei Machado. Não há previsão de reabastecimento. Em razão da paralisação dos caminhoneiros, vários postos não são abastecidos pelos caminhões-tanque desde segunda-feira (21).