quarta-feira, 20 junho, 2018

Desabastecimento: 16 horas e fila de 4 km para abastecer em posto de Porto Alegre




Cid Martins / Agência RBS.

Em um posto que ainda tem combustível em Porto Alegre precisou atender uma fila de 4,5 quilômetros de motoristas que aguardam para abastecer neste sábado (26) pela manhã. Ainda há combustível, mas, em um cálculo preliminar, o posto acredita que tenha gasolina para pouco mais de cem veículos. A direção vai informar os motoristas que estão na fila quando o combustível acabar.

O estabelecimento fica na Avenida do Forte e a via está com uma das faixas sendo utilizada apenas por carros que vão até o posto. A gasolina comum é vendida a R$ 4,75, e a aditivada, a R$ 4,96. O mesmo ocorre em trechos das Avenidas Saturnino de Brito e Protásio Alves, atingindo até a Otávio Santos.

Os motoristas estão ficando até 16 horas na fila e a maioria passou a noite a dentro dos carros. Até as 9h, cada motorista só podia abastecer R$ 100, mas depois aumentou para R$ 150. Motociclistas podem encher o tanque. A Brigada Militar garante a segurança no local.